Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

O Natal é cada vez mais cedo

É novembro, ainda. Cheira a castanhas e a fogareiros e já vemos luzes de Natal em ruas e vielas, centros comerciais e casas de família. Proliferam os apelos na televisão e na Internet de promoções miraculosas que antevêem a troca de prendas anual. Há uns dias, ao olhar para um outdoor que dizia: "prepara-te, o Pai Natal chega a 11 de novembro ao shopping X”, fiquei baralhada. Então, o senhor de barbas já anda por aí?! No meu tempo, ele começava a sua viagem de renas para visitar as crianças do mundo inteiro, na noite mais mágica de todas, a de 24 de dezembro. 


Tenho saudades do tempo que antecedia o dia de Natal quando eu era miúda. Não se trata, apenas, do saudosismo barato de quem vê a idade a avançar. O que penso é que nos dias de hoje, as crianças não têm oportunidade de absorver um dos aspetos mais importantes do espírito original desta época que consiste, precisamente, na espera, no advento. Costuma dizer-se que “o melhor da festa é esperar por ela!” e eu concordo em absolut…

Mensagens mais recentes

O medo tem medo de se olhar ao espelho

Super heróis e heroínas

Neste dia de setembro, vou abrir (uma vez mais) a porta da faculdade…

História Interminável – uma metáfora para os nossos dias

É um novo dia

O mar chama por mim

Paixão por palavras

2 anos

ARGENTINA & PORTUGAL

DANIELA